Protesto das mulheres contra Temer viraliza nas redes sociais

Denunciar o golpe à democracia, que tirou uma presidente honesta, e protestar contra as medidas do governo ilegítmo de Michel Temer. Esse é o mote da nova propaganda do PTMS que será exibida no horário eleitoral gratuito no mês de março, quando se comemora o Dia Internacional da Mulher. O vídeo vazado na noite dessa quarta-feira em grupos de WhatsApp ganhou destaque nas redes sociais hoje, 23, e foi notícia no jornal on line Brasil 247.

pt_mulheres_glaiceSob a coordenação da secretária de Mulheres, Paula Terra, a produção é de responsabilidade da assessoria de comunicação do Diretório Estadual do PTMS, em parceria com a 8 Produções. O vídeo viralizou nas redes sociais. Na página da senadora Gleisi Hoffmann no Facebook o material já foi visualizado por 22 mil pessoas e teve quase 800 compartilhamentos em 16 horas.

O senador Lindbergh Farias também gostou do vídeo das mulheres sul-mato-grossenses e postou no seu Facebook com duas perguntas: “Por que tiraram a Dilma? Foi para isto que deram o golpe?”. Em 11 horas de postagem foram 16 mil visualizações e cerca de 600 compartilhamentos.

O vídeo questiona as medidas tomadas após o golpe à democracia no Brasil, em que a presidente Dilma Rousseff foi retirada da Presidência sem cometer crime algum. Medidas estas que vão trazer prejuízos ao povo brasileiro para sempre.

São o congelamento de investimentos nas áreas da educação, saúde e assistência social, retirada de direitos dos trabalhadores e trabalhadoras e o fim da aposentadoria, como prevê a Reforma da Previdência que está tramitando na Câmara dos Deputados.

PT_MULHERES_LINDBERG

Protagonizado apenas por mulheres militantes do Partido dos Trabalhadores de MS, o vídeo tem 30 segundos. Ao final, uma grande questão para aqueles que pediram a saída da presidente Dilma: “Essa é a mudança que você queria”. E a resposta das mulheres que sempre lutaram por um país justo e igual: “Nós queremos um Brasil para os brasileiros e brasileiras.”

O vídeo encerra com uma homenagem a ex-primeira dama Marisa Letícia Lula da Silva, falecida no início de fevereiro, que aparece ao lado do ex-presidente Lula e a frase dele que marcou a despedida da esposa: “Agora o céu ganha a estrela que iluminou minha vida”.