Começa hoje o Congresso do PT que vai eleger a nova direção estadual

Começa hoje, a partir das 19 horas, no auditório da Fetems, a etapa estadual do 6º Congresso Nacional Marisa Letícia Lula da Silva, que vai eleger o novo Diretório Estadual do PTMS e seu presidente. 250 delegados e delegadas, além dos convidados e observadores vão debater até o final deste sábado o projeto político da legenda para os próximos dois anos de mandato.

Conforme a programação, hoje haverá a abertura oficial e início do credenciamento dos participantes do evento. No sábado, a partir das 8h, inicia com a leitura e aprovação do regimento do Congresso, seguido da apresentação das teses das seis chapas inscritas na disputa da nova direção do partido.

A partir das 11 horas será formado grupos para debaterem as teses. Os grupos apresentam suas conclusões no início da tarde do sábado para aprovação da plenária.

Após às 15 horas inicia a eleição da nova direção, do presidente e dos 13 nomes dos delegados e delegadas que Mato Grosso do Sul deve enviar ao 6º Congresso Nacional, que acontecerá nos dias 1 a 3 de junho, em Brasília. Na ocasião, 600 delegados de todo o país vão eleger a direção nacional e o presidente do PT Nacional.

Veja como se dará a representação das chapas estaduais.

Esperança é Vermelha, da tendência Articulação de Esquerda, que tem o apoio do mandato do deputado Pedro Kemp, tem 39 delegados/delegadas; Construindo um Novo Brasil com Lula 2018, é coordenada pelos mandatos dos deputados federais Zeca do PT e Vander Loubet, ambos da força Construindo um Novo Brasil, tem 94 representantes; Democratizar para Reconstruir, coordenada pelo mandato do deputado estadual João Grandão, da corrente Democracia Socialista, tem 26 delegados/delegadas; Esquerda Viva, comandada pelo mandato do deputado estadual Amarildo Cruz, independente, 18 representantes; Movimento Popular Socialista (MPS), coordenada pelo ex-deputado federal Antônio Carlos Biffi, atual presidente do PTMS, o presidente da Fetems, Roberto Botarelli, ambos da corrente Movimento PT; e pela secretária de Finanças do partido, Kelly Cristina da Costa, que representa a tendência Construindo um Novo Brasil – Seguindo em Frente, tem 54 delegados/delegadas; PT da Base, coordenada pelo mandato do deputado estadual Cabo Almi, independente, 19 representantes.

Até o momento existem três interessados na disputa da presidência do partido, o ex-prefeito de Mundo Novo, Humberto Amaducci, da chapa A Esperança é Vermelha; o ex-presidente do Diretório Municipal de Rio Brilhante, José Raul das Neves Junior, da chapa Democratizar para Reconstruir;  e o atual presidente, Antônio Carlos Biffi, pela chapa Movimento Popular Socialista. Mas as inscrições de novos nomes podem ser feitas à Mesa Diretora do Congresso.

Abaixo a programação:

WhatsApp Image 2017-05-04 at 17.59.09